Governo do Canadá indica “glory hole” como forma mais segura para sexo durante pandemia do Covid-19

Foto: Reprodução/Internet

O icônico “glory hole” entrou na lista de sugestões que o Centro de Controle de Doenças da província de Colúmbia Britânica, no Canadá, criou para praticar sexo de forma mais segura durante a pandemia do coronavírus.

O orgão incluiu a nova recomendação para sexo com distanciamento social em seu site sobre como evitar o Covid-19. Umas dessas dicas foi tentar usar o “glory hole”, um buraco grande o suficiente para passar um pênis.

“Use barreiras, como paredes (exemplo: glory holes), que permitam o sexo mas previnam o contato face-a-face”, diz o comunicado da organização de saúde. “Sexo é muito importante para o bem-estar mental, social e físico”, diz ainda o texto, que recomenda o sexo apenas para quem não tem sintomas do coronavírus.

Os “glory holes” são usualmente usados para sexo oral ou penetração de forma anônima, onde quem está de um lado não sabe de quem é o pênis do parceiro do outro lado da parede.

Thiago Araujo é editor-chefe e criador do Pheeno! Referência no cenário pop LGBTQIA+ nacional, o carioca de 30 anos é jornalista e empresário do ramo do entretenimento, além de agitar as pistas como DJ mundo afora!