Ministério da Cultura autoriza captação de recursos de R$1,3 milhão para paradas LGBT no Rio

Após um período marcado pela incerteza a respeito da realização das Paradas LGBT do Rio, o Ministério da Cultura publicou no Diário Oficial da União (DOU) da última sexta-feira (20/10) a aprovação de projeto de captação de recursos da produtora de eventos Four X Entertainment para estes e outros eventos ligados ao Mês da Diversidade.

O valor destinado à captação de recursos via Lei Rouanet, que converterá em incentivos fiscais o valor investido pelas empresas patrocinadoras desses eventos, é de R$ 1,372 milhão. O prazo para captação de recursos é até 31 de dezembro de 2017, que, segundo o Minc, não foi realizada até o momento. Já o prazo para a execução do projeto é até 20 de fevereiro de 2018.

Segundo informações da Coordenadoria Especial de Diversidade Sexual da Prefeitura do Rio (CEDS Rio), os recursos para a viabilização das paradas LGBTs foram obtidos por meio de Parcerias Público-Privadas, e duas das empresas que participarão do patrocínio aos eventos são a cervejaria Ambev, que enviou carta de intenção de patrocínio para o MinC para obter os benefícios da Lei Rouanet, e a Uber, que fará repasses diretos à Four X Entertainment, e, portanto, sem incentivos fiscais.

“As passeatas não são simplesmente uma festa, elas representam um ato de cidadania em prol da causa LGBTQIA, que busca visibilidade, igualdade e respeito entre os cidadãos. Para isso, investimos no diálogo com empresas e grupos sociais. Nossa equipe fez um grande esforço para elaborar e entregar tantos projetos. Ao mesmo tempo, vivenciamos um processo que foi um aprendizado especial para seguirmos com o fortalecimento do movimento e torná-lo sustentável”, disse em nota Nélio Georgini.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!