Um mês após se declarar gay, jogador tcheco perde espaço e vai para o banco de reservas de time

Um mês e meio após anunciar em suas redes sociais que é homossexual, o jogador de futebol tcheco Jakub Jankto pode estar pagando um preço alto por conta da declaração. O atleta tornou pública a sua orientação sexual depois de negociar com o time e com a sua família; à época, dizia ter o apoio de todos.

No entanto, segundo mostrou reportagem do UOL Esportes, o jogador de 27 anos foi parar no banco de reservas do Sparta Praga e também não foi convocado pela seleção da República Tcheca para os dois primeiros compromissos do ano, contra Polônia e Moldávia. “Desde que tornou pública sua orientação sexual, em meados de fevereiro, Jankto participou de quatro das cinco partidas disputadas por seu clube (na outra, estava gripado). Em nenhuma delas permaneceu em campo por mais de 30 minutos“, destaca a publicação.

A situação é bem diferente da vivida pelo jogador antes de declarar sua homossexualidade. Jankto era titular absoluto do time e chegou a emendar oito rodadas consecutivas, isso antes da pausa para a Copa do Mundo no Qatar-2022. “Apesar da diminuição de oportunidades desde que resolveu revelar sua homossexualidade, é impossível cravar que a situação hoje vivida pelo tcheco é reflexo de um comportamento homofóbico do seu treinador“, afirma a reportagem. A ausência do atleta em campo estaria relacionada a uma lesão sofrida em outubro. 

Em entrevista ao jornal espanhol “Marca“, no começo do mês, Jakub falou pela primeira vez sobre a sua orientação sexual. Na conversa, o jogador afirmou que torce para que “tudo continue como se nada tivesse acontecido“. “Quero seguir em frente como jogador de futebol, não como gay. Não sei o que vai acontecer no futuro, mas com certeza podemos ajudar e dar um bom exemplo“, disse ele. 

VEJA + NO PHEENO TV

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Felipe Sousa

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!

Você vai curtir!