Lizzo se pronuncia sobre acusações de assédio sexual a ex-dançarinas

Na última terça-feira (1), a cantora mundialmente conhecida Lizzo, (35), teve revelado um processo no qual é acusada por três ex-dançarinas de assédio sexual e criação de um ambiente de trabalho hostil, publicado pela NBC News e pela Variety. Por meio de uma carta aberta no Instagram, a cantora se pronunciou pela primeira vez.

O processo envolve Lizzo, bem como sua produtora e Shirlene, líder da equipe de dança da artista, como réus. Além das acusações de ambiente de trabalho hostil e assédio sexual, há ainda acusações de assédio religioso e racial, cárcere privado, interferência em vantagens econômicas, mas nem todas feitas para os três réus. Disse Lizzo:

“Estes últimos dias foram terrivelmente difíceis e esmagadoramente decepcionantes. Minha ética de trabalho, moral e respeito foram questionados. Meu caráter foi criticado. Normalmente, escolho não responder a falsas alegações, mas são tão inacreditáveis ​​quanto parecem e ultrajantes demais para não serem abordadas. Essas histórias sensacionalistas vêm de ex-funcionários que já admitiram publicamente que foram informados de que seu comportamento na turnê era inapropriado e pouco profissional”.

“Como artista, sempre fui muito apaixonada pelo que faço. Eu levo minha música e minhas apresentações a sério porque, no final das contas, só quero lançar a melhor arte que represente a mim e aos meus fãs. Com a paixão, vem o trabalho duro e os altos padrões. Às vezes, tenho que tomar decisões difíceis, mas nunca é minha intenção fazer alguém se sentir desconfortável ou como se não fosse valorizado como uma parte importante da equipe. Não estou aqui para ser vista como uma vítima, mas também sei que não sou a vilã que as pessoas e a mídia me retrataram nos últimos dias”.

“Sou muito aberta com minha sexualidade e com a forma que me expresso, mas não posso aceitar ou permitir que as pessoas usem essa abertura para me fazer parecer algo que não sou. Não há nada que eu leve mais a sério do que o respeito que merecemos como mulheres no mundo. Eu sei como é sentir vergonha do corpo diariamente e absolutamente nunca criticaria ou demitiria um funcionário por causa de seu peso. Estou magoada, mas não vou deixar que o bom trabalho que fiz no mundo seja ofuscado por isso. Quero agradecer a todos que entraram em contato para me apoiar nesse momento difícil’, finalizou.

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Bee 40tona

Você vai curtir!