Artista gay resolve explorar o amor em tempos de Grindr em praça pública; entenda!

Um artista holandês está chamando a atenção com uma interversão urbana. Dries Verhoeven, de 38 anos, está atualmente vivendo em uma caixa de vidro, em uma popular praça de Berlim, Alemanha. A exposição pública, chamada de “Wanna Play”, vai mostrar durante 15 dias, ele dando 100% do seu tempo tentando fazer conexões não-sexuais com usuários do app gay, “Grindr”.

Em entrevista ao HuffPost, o rapaz disse que “pretende explorar os potenciais, poderes e perigos de um aplicativo como o Grindr, colocando sua vida em exposição no processo”. Durante os 15 dias, ele viverá com cinco smartphones, podendo fazer conexão com quem está do lado de fora apenas com o Grindr. As conversas são todas projetadas em uma grande tela preta para que todos possam ver, mas sempre escondendo a identidade da pessoa com quem ele conversa.

Dries diz que seu trabalho vai “substituir a caça ao sexo com a busca de amizade e intimidade”, e que, em vez de fazer sexo com os homens que encontra no aplicativo, ele vai convidá-los para sua caixa de vidro para uma partida de xadrez, tomar café da manhã, e “fazer a barba um do outro”, entre outras coisas não-sexuais. Através de um streaming, você pode acompanhar tudo ao vivo! Basta clicar aqui! E vocês?! Acham que a obra poderia fazer sucesso aqui no Brasil?!

Veja algumas fotos…

wanna_play1

wanna_play2

wanna_play3

wanna_play4

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!