Sendo perseguido há mais de seis anos, jovem quebra o silêncio e denuncia usuário do Grindr

ameaça-usuário-grindr-pheeno-capa-2

Todo mundo lida com a rejeição de forma diferente. Algumas pessoas choram e ficam deprimidas, outras encolhem os ombros e já vão atrás de outros, e depois há aqueles que ficam absolutamente loucos. Esta é a história de um desses caras.

Um usuário do Grindr com o nome de “Huge Top” vem aterrorizando outros homens pelo Grindr! O motivo, segundo Ricardo Sousa, uma de suas vítimas, é a rejeição que recebe dentro do aplicativo de pegação. Entre os ataques, tem até ameaças de morte! “Isso vem acontecendo há seis anos”, afirma Ricardo, que resolveu quebrar o silêncio e contar tudo em seu Facebook. “Eu ignorei, bloqueei, fiz advertências no app, mas ele não parou”.

Ricardo Sousa, a vítima de "Huge Top".
Ricardo Sousa, a vítima de “Huge Top”.

E não para por aí! Para piorar ainda mais as coisas, Ricardo acredita que o perseguidor mora no mesmo prédio em que ele trabalha. “Ele deixou mensagens ameaçadoras no meu caro. Tenho muito medo desse cara”, conta. Outros caras também são vítimas do usuário. “Ele procura por outros caras nas redondezas, e se você não responde, ele começa com as mensagens”.

Depois de lidar com o problema por mais de meia década, Ricardo finalmente decidiu procurar a polícia de San Diego para dar um ponto final no problema. Atualmente, a vítima está preparando um processo legal contra o usuário. Além disso, ele vem recolhendo ameaças de outras vítimas. “Eu não quero que ele machuque mais ninguém”, disse. “Ele precisa ficar preso por um tempo, porque isso é um absurdo. Houve um tiroteio na Flórida, nós não precisamos de outro”.

Confira (em inglês) as ameaças…

ameaça-usuário-grindr-pheeno-capa

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 21 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!

Comentários no Facebook