“Perde credibilidade”, diz Regina Duarte sobre a quantidade de personagens gays na TV

Prestes a interpretar uma lésbica na nova novela das 18h, “Sete Vidas”, da TV Globo, Regina Duarte deu o que falar em entrevista para o programa “TV Fama”, da Rede TV. Regina declarou que não é a favor do exagero de personagens LGBTs nas tramas, pois quando é demais, perde a credibilidade. “É normal, só que o exagero nunca é bom. Até certo ponto é bem saudável, mas a partir do momento que se torna exagero perde a credibilidade”, revelou.

Ao ser questionada pela repórter sobre qual tipo de exagero a triz estava se referindo, Regina desabafou: “De ficar excessivamente batendo na mesma tecla. Por exemplo: ficar dizendo ‘ser gay é legal, ser gay é legal, ser gay é legal’. Caramba, já sei, eu já estou cansada de saber que é legal, por qual motivo não seria? Parece até que nem a pessoa acredita no que está falando”. Em maio deste ano, a atriz revelou que a quantidade de papéis gays em novelas só está crescendo por “questão de marketing” e que “não gosta muito disso”.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!