Ângela Bismarchi se defende através de nota oficial e enfatiza apoio à causa LGBT

Ângela Bismarchi, através de sua assessoria de imprensa, entrou em contato com a Redação do Pheeno por e-mail e negou que tenha sido homofóbica em seu comentário sobre homens gays em novelas. Conforme mostramos, a empresária afirmou ao UOL Mulher que sentia falta dos homens de antigamente e que “hoje em dia, o homem beija o outro homem na boca, vai para a cama com seu igual e só falta engravidá-lo. E tudo isso na frente dos televisores de 200 milhões de brasileiros, como se fosse muito natural”. A matéria repercutiu negativamente para a modelo, que chegou a receber comentários ofensivos em seu Instagram.

Confira a nota de esclarecimento sobre o caso…

Bom dia!

Gostaríamos de esclarecer que a modelo e empresária Angela Bismarchi não é e nunca foi homofóbica. A relação de Angela com os gays sempre foi de imenso respeito e admiração.

A modelo já participou de diversas campanhas contra homofobia e inclusive já foi rainha da parada gay de São Paulo. Além disso, no decorrer dos seus 17 anos como personalidade de mídia, Angela Bismarchi, passou rodeada de profissionais e amigos homossexuais, como: cabeleireiros, maquiadores, figurinistas e assessores.

A entrevista da modelo ao portal UOL foi dita dentro de um contexto, onde a opinião da artista remete ao universo fictício das novelas e não sua opinião para escolhas individuais.

Ressaltando o apoio da modelo Angela Bismarchi a causa LGBT.

Atenciosamente,
Rafael Gomes
Jornalista/Assessor de Imprensa

Confira entrevista de Ângela Bismarchi para o PheenoTV…

Apaixonado por Comunicação, Marcelo Haubrich é editor do Pheeno e também responsável pelo marketing e redes sociais do site! Além disso, o carioca de 25 anos acumula diversas funções na noite brasileira: designer, produtor, DJ, entre outras.