Pesquisa aponta que 19% dos alunos brasileiros não gostariam de ter colega gay ou trans

alunos-homofobia-escola-brasil-pheeno-capa

Uma recente pesquisa mostrou que ainda existe muito preconceito contra os LGBTs em escolas do Brasil! Realizada com mais de 8 mil estudantes etre 15 a 29 anos, a pesquisa identificou que 19,3% dos alunos de escola pública não gostariam de ter um colega de classe homossexual.

Chamada “Juventudes na Escola, Sentidos e Buscas: Por que frequentam?”, a pesquisa mostrou que dentre os entrevistados, 7,1% não queriam ter travestis como colegas de classe. Homossexuais (5,3%), transexuais (4,4%) e transgêneros (2,5%) também aparecem na lista dos rejeitados por parte dos jovens ouvidos na pesquisa. O grupo só fica atrás de bagunceiros (41,4%) e “puxa-saco” dos professores (27,8%).

A pesquisa ainda permitiu identificar que a homofobia parte muito mais dos homens (31%) do que das mulheres (8%)! “É impressionante, a questão da homofobia aparece de uma forma muito contundente no número de jovens que não queria ter colegas homossexuais”, diz a socióloga Miriam Abramovay, coordenadora da pesquisa.

O levantamento foi realizado com o apoio da Flacso-Brasil (Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais), OEI (Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura) e do MEC (Ministério da Educação).

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!