Após tentativa de censura, HQ com beijo gay dos Vingadores dispara nas vendas e chega a custar R$ 250

A tentativa de Marcelo Crivella de censurar um livro da Marvel com dois homens se beijando se voltou contra o prefeito do Rio de Janeiro. Graças a publicidade gratuita do prefeito e com a forcinha de Felipe Neto, que comprou e distribuiu 14 mil exemplares de ‘Vingadores – Cruzada das Crianças’, o quadrinho disparou nas vendas.

Em alguns dos principais sites de compras brasileiros a revistinha chega a custar cerca de R$ 250. Já em sites como Saraiva e Cultura, o livro nem aparece mais nos catálogos de publicaçōes disponíveis. Na Amazon, empresa gigante no mercado de vendas online de livros, o material é visto como esgotado.

A tentativa de censura LGBT causada por Crivella começou na sexta-feira (06/09), quando o prefeito divulgou um vídeo afirmando que a HQ trazia “conteúdo sexual para menores”, porque continha beijo gay – a temática foi tratada como pornografia. A censura gerou uma enorme polêmica e mobilizou discussões e protestos. O assunto apenas foi finalizado no último domingo (08/09), quando chegou no Superior Tribunal Federal (STF) e foi proibido o recolhimento de material com conteúdo LGBT da feira de livros.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!