Estudante morre após ser esfaqueado por namorado em Ribeirão Preto

Um jovem de 22 anos morreu nesta quarta-feira (14/02), na Unidade de Emergência o Hospital das Clínicas (HC-UE) após ser esfaqueado pelo próprio namorado. Heber Galante Assalim Júnior estava no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) do HC-UE desde a manhã de terça-feira (13/02). O suspeito de ter cometido o crime, Carlos Portugal Arouca, de 38 anos, está foragido.

Segundo testemunhas, o estudante foi ferido após um desentendimento com o namorado no apartamento onde viviam há alguns meses, no bairro Jardim Botânico, em Ribeirão Preto (SP). Vizinhos relataram à polícia desentendimentos recorrentes entre o casal nas últimas semanas. Na noite do crime, durante uma discussão, o gerente pegou uma faca e partiu para cima do namorado, que se trancou em um dos quartos. À polícia, testemunhas contaram que o gerente arrombou a porta e deu uma facada no abdômen e outra em um dos braços da vítima. O suspeito fugiu em seguida.

Uma professora de 29 anos, vizinha do casal, disse em depoimento que ouviu os gritos de socorro e encontrou o estudante ferido no apartamento, por volta de 18h30. A mulher acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que socorreu a vítima. O jovem foi levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

O caso foi registrado como tentativa de homicídio e informado ao departamento de homicídios da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), que deve assumir o inquérito. O caso foi registrado como tentativa de homicídio e informado ao departamento de homicídios da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), que deve assumir o inquérito.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!