Câmara aprova pedido de deputado bolsonarista para debater Barbie trans inspirada em Larvene Cox

A Câmara dos Deputados aprovou, na noite desta quarta (01/06), um requerimento para a realização de audiência pública com a finalidade de debater a mais nova boneca lançada pela Mattel, uma Barbie inspirada na atriz trans Laverne Cox. O requerimento é de autoria do deputado Otoni de Paula (MDB-RJ), vice-líder do governo na Casa.

No texto, Otoni argumentou que pretende “debater sobre as implicações psicossociais em crianças em decorrência da versão da boneca Barbie com órgão sexual masculino”. Segundo o deputado, que integra a bancada evangélica do Parlamento e tem forte atuação nas pautas de costume, o brinquedo “servirá para confundir as crianças sobre a natureza dos gêneros“. Conforme o portal UOL, a audiência pública sobre a Barbie ocorreria na Comissão de Seguridade Social e Família da Casa e, segundo o pedido de Otoni, deveria convocar o “presidente, ou equivalente, da Mattel do Brasil” e um membro do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, pasta liderada por Cristiane Britto após Damares Alves deixar o posto para ser candidata ao Senado. No pedido, o deputado indica que ser trans “é uma opção tardia“, o que vai contra o estipulado na ciência e por médicos especialistas no tema.

A alegação do requerimento não condiz com a história das bonecas e bonecos da marca. Tanto a Barbie quanto o namorado dela, o Ken, não têm órgãos genitais. Uma das versões mais famosas do brinquedo, inclusive, é a Barbie gestante, mas mesmo nessa edição os bebês não nascem pela genitália, e sim, de forma lúdica, são removidos pela barriga da boneca. O brinquedo em homenagem a atriz foi lançado no fim do mês, quando Cox fez 50 anos. “O que mais me deixa animada sobre a boneca ser lançada é que crianças e jovens trans poderão vê-la, comprá-la e brincar com ela, e saber que há uma Barbie feita pela Mattel, pela primeira vez, semelhante a uma pessoa trans”, disse Laverne, em entrevista publicada na revista feminina People.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!